E a novela continua: Processo de Clodomir “dorme” no TRE e ex gestor é impedido de recorrer ao TSE

talita e clodomir

A pergunta que não quer calar, é: Quem fica com o diploma em definitivo? Talita Laci ou Clodomir Oliveira?

No município da Raposa, o comentário é só um: estão querendo boicotar o ex prefeito Clodomir Oliveira. O caso é o seguinte: os embargos de defesa do ex gestor e de seu vice, Messias Aguiar, já estão prontos para serem julgados, mas “forças ocultas”, estão trabalhando para que o processo fique onde está: parado. Isso mesmo! Inclusive, aliados da atual “prefeita” Talita Laci já comemoram um suposto pedido de vista de um magistrado no processo dos embargos, adiando mais uma vez o julgamento do processo.

Outro fato importante e que deve ser destacado, é que, se o processo de Clodomir Oliveira não for julgado até esta semana, as sessões no TRE só voltarão a ocorrer em Maio, prejudicando mais ainda a vida do ex gestor, pois, por três vezes Clodomir teve pedido de liminar negado justamente pela pendência do julgamento desses embargos.

Diante dessa situação, acontecem duas coisas: Clodomir fica impedido de recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e a herdeira de José Laci ganha fôlego para continuar no cargo por mais tempo. O julgamento dos embargos estava previsto para acontecer na tarde de ontem (13), mas a sessão foi adiada para esta terça-feira (14), pelo menos é o que está programado.

Moradores da Raposa, revoltados com a situação, já interditaram a avenida Vitorino Freire no último dia 7, como forma de pressionar a Corte Eleitoral do TRE  para que finalmente deem andamento no processo. Na ocasião, um grupo de três moradores foi convidado para o TRE-MA para conversarem com alguns juízes da Corte Eleitoral.

Deixe uma resposta