Flávio Dino anuncia rede de acolhimento a pessoas com sequelas da Covid-19 e vacinação de profissionais da Educação

Pacientes com sequelas da Covid-19 vão contar com um sistema de atendimento na saúde estadual. Em coletiva na manhã desta sexta-feira (16), no Palácio dos Leões, o governador Flávio Dino anunciou a implantação da Rede Cuidar, que vai oferecer tratamento psicológico aos pacientes e seus familiares, além de outras especialidades médicas. Durante a coletiva, o governador atualizou o cenário da doença e reforçou o trabalho da gestão.

A Rede Cuidar vai contar com psicólogos, psiquiatria, cardiologia, nefrologia, endocrinologia, clínica médica, nutrição, fisioterapia, fonoaudiologia e neurologia. Vai funcionar no Hospital Carlos Macieira (São Luís), Hospital Macrorregional de Imperatriz e Policlínicas de Santa Inês e Presidente Dutra. “Temos vários efeitos e pessoas com dificuldades, pela doença, por isso, este serviço, que vai ajudar na recuperação”, avaliou. O serviço estará disponível a partir da segunda-feira (19).

O governador anunciou início da vacinação para a Educação, nesta terça-feira (20). A campanha vai alcançar profissionais da ativa, das redes pública e privada, com 55 anos ou mais. “Temos como objetivo a manutenção das atividades educacionais”, frisou. Divulgou ainda prorrogação das medidas restritivas por mais uma semana.

Dessa forma, escolas públicas manterão aulas na modalidade online; escolas privadas no modelo hibrido (online e presencial); comércio (incluindo supermercados e academias) das 9h às 21h; delivery até 23h; atividades religiosas com 50% ocupação de ocupação dos templos; pessoas do grupo de risco afastadas do trabalho no setor público e privado. “Não há ainda como alterar esse regime. Pior é fazer uma flexibilização ainda maior e os efeitos serem o agravamento da doença”, justificou o governador.

Vacinação

O Maranhão recebeu, até o momento, 1,34 milhão de doses da vacina contra Covid-19. Na aplicação, o estado passou de 21 para 121, o número de municípios com mais de 70% das doses da vacina já aplicadas. “O resultado destes esforços é a melhoria dos indicadores de vacinação no Maranhão; portanto, agradeço muito as equipes municipais e estaduais, que estão garantindo que possamos melhorar esses patamares. Esse é o caminho para superarmos o coronavírus”, enfatizou Dino.

“Com essa perseverança, conseguimos, na justiça, que a Anvisa responda sobre a vacina Sputinik”, reiterou o governador. Por determinação do Superior Tribunal Federal (STF), a Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa), tem até final de abril para definir sobre a importação do imunizante, caso contrário, os estados ficam autorizados a adquiri-la.

Novos leitos

O Maranhão permanece como o estado do país com o menor número de mortes por Covid-19. A taxa de ocupação de leitos teve redução na rede pública estadual, se mantendo a média de 80%, tanto os leitos clínicos, quanto os de Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Para atendimento à demanda, mais de 980 novos leitos já foram abertos pelo Governo do Estado.

Medidas sociais

O governador destacou a abertura dos 55 Restaurantes Populares para oferecer jantar a R$ 1. Ainda, a distribuição de máscaras e cestas básicas em todo o Maranhão; adiantamento da primeira parcela do 13º para servidores estaduais da Saúde (Emserh e institutos), regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), a ser pago no dia 26 de abril.

COMENTÁRIOS

Agenda positiva de Paulo Curió em Brasília garante mais investimentos para Turilândia

O Prefeito de Turilândia, Paulo Curió, teve uma agenda extremamente positiva em Brasília nesta semana. O motivo da viagem foi a busca por mais investimentos e melhorias para Turilândia, cidade a qual administra.

No primeiro dia, o prefeito se reuniu com o deputado federal Pedro Lucas Fernandes, e garantiu recursos para construção de duas quadras poliesportivas e 3km de asfalto para o município.

Agradeço muito ao deputado Pedro Lucas, que sempre esteve ao nosso lado na construção de uma Turilândia de todos. Que a nossa parceria continua firme como sempre foi“, destacou o gestor municipal.

Em outra pauta, Paulo Curió participou de uma significativa reunião com o Ministro da Educação, Milton Ribeiro, com o presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Marcelo Pontes e demais autoridades.  Durante o encontro, foram apresentadas as políticas de melhorias para a educação, a situação de cada município junto ao FNDE e viabilização de novas obras.

A equipe técnica da Educação de Turilândia, comandada pelo secretário Joaquim Francisco,  também esteve presente na reunião e foi prontamente atendida pelos técnicos do FNDE para a resolução de pendências e esclarecimentos de dúvidas.

Acompanharam o Prefeito na viagem, a primeira dama Eva Dantas, seu irmão e ex prefeito de Governador Nunes Freire, Marcel Curió e Ritalice Dantas.

COMENTÁRIOS

Liviomar Macatrão faz balanço positivo de ações na Semapa nos primeiros cem dias de trabalho

O titular da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), Liviomar Macatrão, em entrevista concedida ao Blog da Cristiana França, fez um balanço altamente positivo das ações da Secretaria nesse início de gestão.

Conhecido por sua competência, responsabilidade, educação, e muita força de trabalho, Liviomar é, sem dúvida, um dos melhores quadros na gestão Eduardo Braide atualmente. Pra quem não sabe, Liviomar foi secretário municipal de Turismo na gestão do então Prefeito João Castelo, de 2009 a 2012, deixando sua marca de sucesso e inúmeros projetos de excelência na área.

Sobre o início dos trabalhos à frente da Semapa, Liviomar conta que toda nova gestão tem uma linha de atuação, e na dele, claro, não é diferente.

A antiga gestão tinha um foco mais voltado para a Feirinha, que é um projeto muito bom, mas agora estamos ampliando essa atuação, trabalhando nos 3 eixos, não só na  comercialização, mas ampliando e organizando as feiras e mercados e fomentando a produção agropecuária“, relatou o secretário.

Sobre as ações futuras, o titular da Semapa disse que já estão sendo executados planos de trabalhos no sentido de melhorar cada vez mais o setor.

O Prefeito Eduardo Braide irá lançar, em breve, um conjunto de ações e programas que irão qualificar os feirantes e produtores, trata-se do programa Qualifica, que vai chegar para beneficiar mais ainda esses trabalhadores que estão à frente das feiras e mercados”, destacou Liviomar Macatrão.

Vale ressaltar que, já no mês de Março, a Prefeitura entregou o novo mercado do Monte Castelo, que conta com 40 boxes e 10 bancas (relembre aqui).

Ainda sobre as boas novas, Liviomar informou que a Semapa está readequando e requalificando alguns mercados, e que a ideia é dar uma nova cara aos mercados e feiras da cidade que acontecem em locais distintos de terça a sábado. Atualmente, São Luís conta com 29 mercados e 10 feiras. A feirinha que acontece aos domingos também entra na lista, mas que está suspensa por conta da pandemia, com previsão de volta para 02 de Maio, situação que ainda está em análise.

Funcionamento de feiras e mercados na pandemia

Como todos sabem, vivemos um período difícil por conta da Pandemia, e isso, óbvio, também tem afetado as feiras e mercados. Mas, diante da situação, a Semapa conta com a ajuda dos bombeiros civis, que estão trabalhando nas portas dos mercados, com o objetivo de orientar e cobrar mesmo da população, o uso correto de máscaras e álcool em gel. Todos os protocolos sanitários estão sendo seguidos para o bom funcionamento em segurança dos locais.

Ainda durante a entrevista, o secretário fez questão de afirmar que a Semapa tem mantido um diálogo muito bom com os feirantes, e que tem aproveitado, sempre quando pode, para visitar pessoalmente todos os mercados da cidade.

Estou visitando os mercados aos poucos, onde estamos estreitando os laços, mantendo um bom diálogo com todos, o que é de fundamental importância, e assim vamos trabalhando para melhorar ainda mais o padrão. Aproveito para anunciar também que o Prefeito vai enviar um regulamento de mercados para a Câmara Municipal, e, uma vez aprovado, vamos poder trabalhar de maneira mais eficiente e regularizada”, enfatizou Liviomar Macatrão.

Questionado sobre o maior desafio na Semapa nesse primeiro momento, o secretário falou da questão do abastecimento da cidade, bem como incrementar a produção local para que, de fato, ela chegue aos mercados.

Hoje somos abastecidos com Hortifrut principalmente com produtos provenientes de outros Estados, e isso pra gente é o nosso maior desafio nesse momento, que vamos trabalhar com afinco para solucionar o mais breve possível”, revelou o titular da Semapa, que também é Turismólogo, Pós-Graduado em desenvolvimento sustentável e mestrando em Administração Pública.

COMENTÁRIOS

Operação Laços de Família apreende equipamentos e documentos em cinco municípios

O Grupo de Atuação Especializada no Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) do Ministério Público do Maranhão realizou, na manhã desta quinta-feira, 15, a Operação Laços de Família, em parceria com a Polícia Civil do Maranhão, por meio da Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção (Seccor). Trinta e dois mandados de busca e apreensão, expedidos pela 1ª Vara Criminal da Comarca da Grande Ilha de São Luís, foram cumpridos nos municípios de São Luís, Paço do Lumiar, São José de Ribamar, Miranda do Norte e Bom Jardim.

Participaram da operação 24 equipes da Polícia Civil, compostas por delegados, investigadores e escrivães, além dos promotores de justiça e servidores do Gaeco. Em São Luís, 16 endereços foram visitados pelas equipes.

Em Miranda do Norte, foram realizadas buscas na sede da Prefeitura, Comissão Permanente de Licitação e em algumas Secretarias Municipais, como Saúde, Educação, Obras, Administração, Assistência Social e Transportes. Nos três municípios também foram cumpridos mandados em endereços comerciais e nas residências dos sócios das empresas envolvidas e de pessoas ligadas a eles.

ESQUEMA

As investigações tiveram início a partir de denúncia do Tribunal de Contas da União (TCU) – órgão, que assim como o MPMA, integra a Rede de Controle da Gestão Pública – a respeito de desvios de recursos realizados no período de 2017 a 2020, durante a gestão do ex-prefeito Carlos Eduardo Fonseca Belfort, conhecido como Negão.

O ex-gestor teria utilizado recursos públicos para quitar dívidas pessoais junto ao TCU. O mesmo artifício teria sido usado pelo também ex-prefeito e atual deputado federal José Lourenço Bonfim Júnior (Júnior Lourenço), que esteve à frente da administração municipal de Miranda do Norte no período de 2009 a 2016.

A ligação entre os ex-gestores, de acordo com as investigações, vai além da política. Carlos Eduardo Belfort foi secretário de Saúde, tesoureiro do Fundo Municipal de Saúde e presidente da Comissão Permanente de Licitação na gestão de Júnior Lourenço. Além disso, sua mãe, Helena Fonseca Belfort, é sócia do deputado na empresa J L B J Construções.

Já Allana Maria Castelo Branco Belfort, esposa de Carlos Eduardo Belfort, é a atual secretária de Administração, Planejamento e Finanças de Miranda do Norte. A atual prefeita do município, Angélica Maria Sousa Bonfim, é mãe de Júnior Lourenço.

ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA

As investigações apuram a existência de uma organização criminosa criada com o objetivo de desviar recursos públicos. O esquema seria operacionalizado por meio de empresas de fachada que participavam de processos licitatórios fraudulentos. Essas empresas não tinham capacidade técnica nem lastro financeiro para cumprir os contratos firmados.

O trabalho investigativo também apontou ligações entre essas empresas, os ex-prefeitos investigados, seus familiares, empregados e amigos.

A organização estaria dividida em três núcleos: o político, representado por Júnior Lourenço e Carlos Eduardo Belfort; o administrativo, composto por servidores públicos como secretários municipais, integrantes da Comissão Permanente de Licitação e fiscais de contratos; e o empresarial, que seria chefiado por Tiago Val Quintan Pinto Frazão e composto pelos sócios das empresas criadas para disputar as licitações irregulares.

Tiago Val Quintan, inclusive, chegou a ser tesoureiro da Prefeitura de Miranda do Norte, por um curto período, durante a gestão de Júnior Lourenço. As empresas participantes do esquema seriam de propriedade de “laranjas” do líder do núcleo empresarial, muitos deles de sua própria família.

Quatro contratos firmados entre a Prefeitura de Miranda do Norte e as empresas “PM Construções e Serviços Ltda.”, “F Cipião Prazeres” e “J Rodrigues Macedo”, por exemplo, teriam totalizado um dano de R$ 22.061.477,53 aos cofres municipais. Esse, inclusive, é o valor do bloqueio das contas correntes, poupanças e aplicações dos investigados, solicitado pelo Ministério Público.

APREENSÕES

A operação realizou a apreensão de celulares, computadores, tablets e documentos em diversos endereços. No escritório de Tiago Val Quintan, por exemplo, foram encontrados muitos documentos relacionados à Prefeitura de Miranda do Norte. De acordo com o Gaeco, esses documentos comprovam o vínculo do empresário com a administração municipal no período investigado.

Documentos da Prefeitura de Miranda do Norte também foram encontrados no endereço residencial do deputado Júnior Lourenço.

Os documentos e equipamentos eletrônicos serão analisados pelo Ministério Público do Maranhão e Polícia Civil. Todos os investigados foram intimados a prestar depoimento.

COMENTÁRIOS

Vacinação contra a influenza permanecerá com programação neste sábado (17) nos postos de saúde de São Luís

A vacinação contra a influenza na capital maranhense, iniciada no dia 12 deste mês (segunda-feira) seguindo orientação do Ministério da Saúde (MS) – terá continuidade neste sábado (17). Os 62 locais de vacinação vão funcionar das 8h ao meio-dia, para atender o público-alvo da campanha, por determinação da Prefeitura para que os pais possam levar seus filhos para serem imunizados.

A Semus reforça que no sábado (17), a vacinação contra a influenza será exclusiva para as crianças com 3 anos de idade. O cronograma de imunização das crianças, que começou no dia 12 com as que registram entre 6 meses e 1 ano de idade, prosseguirá até o dia 24 deste mês com a inclusão dos chamados retardatários, grupo formado por crianças cujos pais ou responsáveis perderam os prazos anteriores.

Nesta quarta-feira (14), a vacinação contra a influenza ocorreu normalmente e contemplou crianças com 1 ano de idade. A partir desta quinta-feira (15), serão vacinadas as crianças de 2 anos de idade. Na sexta-feira (16), novamente serão contempladas as crianças com 2 anos de idade.

A meta da Semus é vacinar 90% dos chamados grupos prioritários. Além das crianças entre seis meses e menores de 6 anos, estão no rol do público contemplado as gestantes, as puérperas, os povos indígenas, os trabalhadores da saúde, os idosos com 60 anos ou mais, os professores das escolas públicas e privadas, as pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, as pessoas com deficiência permanente, além das forças de segurança e salvamento e forças armadas.

Além destes públicos, serão vacinados os caminhoneiros, os trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso, trabalhadores portuários, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas e a população privada de liberdade.

O secretário de Saúde de São Luís, Joel Nunes, enfatiza a importância do cumprimento pelos pais, no caso das crianças, do chamamento para a imunização contra a influenza. “É importante estar atento aos dias específicos de vacinação. A população tem entendido nosso recado e sem dúvida a campanha ocorre com sucesso”, disse.

O calendário dos demais públicos (fora as crianças já contempladas) para imunização contra a influenza será divulgado nos próximos dias nas redes sociais da Prefeitura de São Luís e no site www.saoluis.ma.gov.br.

Cronograma

1° etapa

Dia 14: 1 ano

Dias 15 e 16: 2 anos

Dias 17 e 19: 3 anos

Dias 20 a 21: 4 anos

Dias 22 e 23: 5 anos

Dia 24: retardatários

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde (Semus)

UNIDADES E LOCAIS COM VACINA INFLUENZA POR DISTRITO

C.S da Liberdade

Centro de Saúde Paulo Ramos

C.S Bezerra de Menezes

USF do São Francisco

C.S. Vila Bacanga

U. M. Itaqui Bacanga

C. S. Clodomir P. Costa

C. S. Valdecy Eleoteria Martins

C. S. São Raimundo

C. S Yves Parga

C.S. Vila Nova

Hospital Aquiles Lisboa

C.S. da Vila Embratel

C.S. do Gapara

C.S Bairro de Fátima

U.M Coroadinho

C.S Carlos Macieira

PSF Dr. Antonio Guanaré

Posto de Saúde do Anil

C.S Genésio Ramos Filho

C.S Cohab – Anil

C.S Salomão Fiquene

C.S Djalma Marques

C.S Turu

Hospital Dr. Adelson de Sousa Lopes

UBS Cintra

C. S Genésio Rego

APAE no Outeiro da Cruz

C.S. Amar

Policlínica do Vinhais

C.S. Radional

C. S. da Vila Lobão

C.S. João de Deus

U.M. São Bernardo

Policlínica C. Operária

C.S Santa Bárbara

C. S. Drª Nazaré Neiva

USF Dr.Antonio Carlos S. Reis I

USF Maria Ayrecila II

USF Jailson Alves III

USF Santa Clara

USF Santa Efigênia

C.S São Cristóvão

USF Pirapora

USF Fabiciana Moraes

C.S Vila Janaina

UBS Expedito Alves de Melo

PS Coquilho

C.S. Itapera

C.S. Quebra Pote

C.S. Tales Ribeiro Gonçalves

USF Vila Sarney

C.S. Pedrinhas I

C.S. Pedrinhas II

C.S. Tibiri

C.S. Maracanã

USF Coqueiro

C. S. Jose de Ribamar Frazão

C.S. Laura Vasconcelos

C. S. Rio Grande (Mª de Lourdes)

C.S Vila Itamar

CS João Paulo

COMENTÁRIOS

Procon/MA alerta consumidores para cuidados com compras e navegação na internet

Procon-MA informa sobre proibição de fumar em locais fechados e  parcialmente fechados – Maranhão de Todos NósGolpes bancários, clonagem de WhatsApp e outras armadilhas virtuais já somam mais de 1,6 milhões de detecções em 2021, somente no Brasil. Os dados são da empresa de segurança da informação PSafe e apontam que, diariamente, cerca de 17 mil pessoas são vítimas dos golpes financeiros no País.

O Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão (Procon/MA), que observou um crescimento no número de reclamações relacionados à prática também no estado, alerta para os cuidados, especialmente com informações pessoais no momento da navegação por sites e links.

“Nesse momento de pandemia, em que há uma procura pelos serviços remotos e aumento da utilização da internet, é fundamental que o consumidor esteja atento, especialmente ao receber links e endereços de site que podem ser suspeitos”, alerta a presidente do Procon/MA, Karen Barros.

Segurança

Além do uso de senhas fortes e individuais para cada plataforma como sites, e-mail e aplicativos, o Procon/MA recomenda a troca regular delas e a utilização da chamada “verificação em duas etapas” para aquelas que possuírem essa função.

Nas compras on-line, a pesquisa não deve se concentrar apenas no preço ou qualidade dos produtos anunciados.

“É fundamental, antes de tudo, que o cliente busque o CNPJ daquela empresa, verifique se ela de fato existe e que cheque a reputação e a opinião de outros clientes em sites como o Reclame Aqui, por exemplo”, pontuou Karen.

Uma vez verificada a reputação, outra recomendação é não permitir que o site armazene dados, especialmente os bancários, para compras futuras. Links e mensagens com promoções, descontos em pagamentos de boletos e outras ofertas também devem ser checados antes de qualquer iniciativa, de preferência em contato direto com as empresas que são apresentadas como fornecedoras.

Se ainda assim acontecerem os golpes, as vítimas podem tentar cancelar compras e transações com as próprias instituições bancárias e realizar denúncia formal da prática, seja em delegacias ou no Procon/MA, através do site www.procon.ma.gov.br ou aplicativo PROCON MA.

COMENTÁRIOS

Maranhão registra aumento de 24% no número novas empresas em 2021

A Junta Comercial do Maranhão (Jucema), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Energia (Seinc), registrou 13.375 novas empresas nos primeiros três meses de 2021. Isso significa um aumento de 24% em relação ao mesmo período de 2020, quando 10.774 novos negócios foram criados.

Entre janeiro e março o estado também registrou o fechamento de 3.656 negócios. Contudo, o saldo entre o total de empresas abertas e empresas fechadas foi positivo, somando 9.719 empreendimentos.

De acordo com o presidente da Jucema, Sérgio Sombra, o saldo positivo é um reflexo das ações do Governo do Estado que visam o fomento da atividade produtiva, especialmente nesse momento de grave crise provocada pela pandemia da Covid-19. “O crescimento do número de empresas é um resultado claro do esforço do governador Flávio Dino em fortalecer o empreendedorismo nesse momento crítico que estamos atravessando”, reforçou Sérgio Sombra.

Entre as medidas de estímulo está a taxa zero para formalização de empresas na Jucema. Em sua segunda etapa no Maranhão, a suspenção foi anunciada pelo governador Flávio Dino e assegura até o dia 4 de junho custo zero aos empreendedores que formalizarem empresas classificadas como Limitada (LTDA), Empresário Individual por Responsabilidade Limitada (Eireli), Sociedade Anônima (S/A), Empresário Individual (EI) e Sociedade Cooperativa. Ou seja, todos os tipos jurídicos estão sendo beneficiados, com exceção do Microempreendedor Individual (MEI). A medida terá validade de 60 dias e deve beneficiar cerca de 2.500 empreendimentos.

“Tivemos números muito positivos no ano passado durante a primeira etapa de isenção. Diante desse cenário novamente preocupante, esperamos que a isenção traga mais uma vez um saldo positivo de novos negócios, gerando mais emprego e renda ao Maranhão nesse momento tão delicado que estamos passando”, explicou o presidente da Jucema.

Ranking

Das três cidades que mais abriram empresas nos três primeiros meses do ano, a capital São Luís lidera a estatística. Logo depois vem Imperatriz e em seguida a cidade metropolitana de São José de Ribamar. O setor de comércio foi o mais escolhido pelos empreendedores no primeiro trimestre de 2021. Na sequência aparecem o setores de serviços e indústria.

COMENTÁRIOS

Aprovado PL de Neto Evangelista que prevê prazo de validade indeterminado para laudos que atestam TEA

Os laudos médicos periciais para a comprovação do Transtorno do Espectro Autista (TEA) terão prazo de validade indeterminado. É o que prevê o projeto de lei 117/2021, do deputado estadual Neto Evangelista (DEM), aprovado em sessão plenária remota desta terça-feira (13), na Assembleia Legislativa do Maranhão.

“Nossa intenção é diminuir a burocracia e facilitar a vida das pessoas com Transtorno do Espectro Autista e seus familiares na busca de seus direitos ou benefícios permitidos por lei e que muitas vezes travam na exigência de laudo que comprove a existência do transtorno, emitido recentemente por médicos especialistas”, justificou Neto Evangelista.

Para o parlamentar, o caráter permanente deste transtorno torna totalmente injustificável e desnecessária a emissão de laudos com validade determinada. “Não faz sentido uma pessoa com TEA perder seus direitos por conta de um laudo que certifica o que já sabem”.

Vale destacar que o acesso aos especialistas na rede pública e a perícia do INSS são demorados e o prazo do laudo acaba vencendo. Com isso, as famílias vão perdendo o BPC (Benefício de Prestação Continuada), a carteira de passe livre que prejudica a locomoção para a própria terapia, entre outros.

De acordo com a proposta, os laudos poderão ser emitidos por profissional da rede pública ou privada de saúde, observados os demais requisitos para a sua emissão, já estabelecidos em legislação.

Neto Evangelista ressaltou ainda que as dificuldades para a obtenção de laudo em contextos como o que vivemos atualmente se agravam. “Como vamos conceber, em plena pandemia da Covid-19, as idas e vindas às unidades de saúde dessas pessoas. Não tem como! ”.

“A nossa medida, portanto, segue princípios protetivos e vai ajudar muitas pessoas, que merecem um tratamento diferenciado, um olhar humano, facilitando suas vidas, na medida em que diminuímos as burocracias do dia a dia”, finalizou Neto Evangelista.

O texto segue agora à sanção do Poder Executivo.

COMENTÁRIOS

Em reunião na SES, Othelino discute reforma do Hospital Municipal de São Vicente Férrer

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), reuniu-se, nesta segunda-feira (12), com o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, para discutir a reforma do Hospital Municipal de São Vicente Férrer, uma das principais demandas da cidade. No encontro, o parlamentar esteve acompanhado do prefeito do município, Adriano Freitas (DEM).

Na reunião, o chefe do Legislativo e o prefeito Adriano expuseram a importância da reforma da unidade de saúde para o município, localizado na Baixada Maranhense.

Othelino Neto informou, ainda, que o governador Flávio Dino já autorizou a execução da obra em mais uma parceria do Governo do Estado com os municípios.

“A reforma do Hospital Municipal é uma das principais demandas da cidade. Tratei do assunto com o governador Flávio Dino e, hoje, viemos conversar sobre os detalhes da obra com o secretário Carlos Lula. Certamente, é mais um benefício para São Vicente Férrer, que contará com um hospital estruturado para melhor atender à população”, enfatizou o parlamentar.

O secretário Carlos Lula afirmou que, agora, serão feitos os encaminhamentos para que a reforma seja iniciada o mais breve possível. “Mais uma vez, o Governo do Estado faz parcerias com os municípios para melhorar a vida da população. Agora, vamos reformar o Hospital Municipal de São Vicente Férrer, uma obra já autorizada pelo governador Flávio Dino e que, em breve, começaremos a reforma”, garantiu.

Benefícios 

O prefeito Adriano agradeceu o apoio do deputado Othelino para a concretização do pleito. Segundo ele, o parlamentar sempre trabalhou para garantir benefícios à população vicentina. Agradeceu também ao Governo do Estado por ter atendido à solicitação.

“Como representante da população, agradeço ao presidente da Assembleia, deputado Othelino Neto, ao secretário Carlos Lula e ao governador Flávio Dino, que vai viabilizar esse projeto tão importante para o nosso município. Fico muito feliz de ver esse pleito sendo atendido, pois é uma luta desde o início do nosso mandato, que conquistamos agora para benefício da população de São Vicente Férrer”, declarou.

COMENTÁRIOS

Mateus vai responder processo administrativo por aglomeração durante inauguração de loja

O PROCON/MA notificou, na última sexta-feira (09), a rede Mateus Supermercados. A empresa deverá prestar esclarecimentos sobre aglomerações registradas e denunciadas por ocasião da inauguração de uma loja no município de Buriticupu.

“O PROCON/MA já notificou a rede, que responderá a processo administrativo que culminará em sanção”, declarou a presidente do órgão, Karen Barros.

A partir da notificação, foi instaurado processo administrativo. A rede terá prazo de até 10 dias para manifestação e apresentação de sua defesa para o caso.

Ao final do processo, caso não se manifeste ou restando comprovado o cometimento de infrações contra o consumidor, a empresa estará sujeita às sanções, como multa e até suspensão da atividade comercial, como previsto no Código de Defesa do Consumidor.

COMENTÁRIOS