Turma do “quanto pior, melhor” patrocina atos de vandalismo em Raposa

Partidários contrários a gestão do prefeito, Clodomir dos Santos, em Raposa, resolveram tirar proveito político de uma problemática e que já está sendo sanada pelo SAAE, no que diz respeito ao abastecimento de água em algumas ruas do município.

A Turma “do quanto pior, melhor”, desde a sexta –feira (01), vem fazendo uso político de um problema administrativo , e atua na prática, desde as primeiras horas da manhã desta segunda-feira (04).

Ricardo Thebas, o idealizador do movimento contra o Prefeito Clodomir

Ricardo Thebas, o idealizador do movimento contra o Prefeito Clodomir, é aliado da pré-candidata Ociléia

Na ação, atearam fogo em pneus pelas proximidades da residência do Gestor. As lideranças do movimento são figuras conhecidas do cenário político local, profissionais acostumados á atuar sempre que se aproximam os períodos de eleições.

Morador de Raposa, acusado de tocar fogo em frente a casa do Prefeito

Morador de Raposa e opositor ao Prefeito, foi um dos participantes do ato de vandadalismo de tocar fogo em frente a casa do gestor municipal

O oportunismo é uma prática bastante comum, e sempre que se aproximam as eleições, os opositores de qualquer gestão, fazem uso desta prática perigosa.

No entanto, no ocorrido caso, nas proximidades da residência do gestor, os autores não conseguiram seu objetivo, a população parece não aceitar mais este tipo de prática.

Paralelo a isso, o Serviço Autônomo de Águas e Esgotos (SAAE), emitiu nota esclarecendo o ocorrido:

NOTA

O Serviço Autônomo de Águas e Esgotos (SAAE) informa que o desabastecimento de água em algumas ruas da Vila Bom Viver, Vila Maresia e Jussara no município de Raposa, foi ocasionado pelas inúmeras descargas de raios ocorridos ultimamente que provocaram a queima de dois conjuntos motobombas submersas instalados nos poços poço situados na Av. Newton Belo e Rua do Fio, na Vila Maresia, que juntamente com outros 03 poços abastecem o reservatório de concreto armado da Vila Bom Viver e distribui a água para os bairros adjacentes e que abrange a parte alta da área desabastecida em questão.

Informamos ainda que quando da retirada para a substituição de uma bomba submersa danificada, o equipamento ficou preso dentro da tubulação do poço impossibilitando a sua imediata substituição pela equipe de manutenção do SAAE, que prontamente solicitou auxílio a empresa contratada para manutenção dos poços desta autarquia, a urgente retirada da bomba danificada, e que após alguns dias de árduo trabalho conseguiu-se retirar o conjunto-motobomba do referido poço.

Esperamos normalizar o abastecimento na área nas próximas horas. Informamos ainda que como medida de emergência, estaremos disponibilizando um carro pipa que estará abastecendo de forma alternativa as ruas compreendidas da área atingida pelo referido poço.

Deixe uma resposta