Enrolado na Justiça e com mandato cassado, vereador garante que vencerá as eleições mais uma vez

Parece que a Câmara Municipal de São Luís não tem sorte mesmo. Quase ao fim de mais uma legislatura, dos 31 vereadores eleitos, e em sua maioria, inoperantes, diga-se de passagem,  80% deles não terão seus mandatos renovados. Resultado, claro, da falta de ações por parte dos parlamentares durante os quatro anos onde deveriam estar trabalhando pelo povo.

Exemplo claro disso, é o do vereador Beto Castro, que só é conhecido mesmo, por conta de seu interminável processo na justiça, onde é acusado pelo seu suplente, Paulo Roberto “Carioca”, de usar duas identidades com nomes diferentes na eleição municipal de 2012: a de Werbeth Macedo Castro e Werbeth Machado Castro. Castro nega a acusação.

A “saga” de Beto Castro vem desde quando assumiu como vereador, ainda em 2013, quando chegou a ter o mandato cassado pelo TRE-MA. Mas, poucas horas depois, por ordem da juíza Luzia Nepomucena, titular da 3ª Zona Eleitoral de São Luís, o vereador obteve uma liminar que assegurava sua permanência na Câmara, até o julgamento de seu processo pelo Tribunal Regional Eleitoral. Em dezembro do mesmo ano, Beto Castro foi cassado novamente, e logo após, reconduzido ao cargo. Mas parece que o vereador não está muito preocupado com os processos na justiça que correm contra ele, pois, em sua página virtual, ele conta que não o afastaram do cargo (ainda), que continua como vereador  e que “com fé em Deus e seu voto venceremos mais uma vez as eleições”.

Sinceramente, não quero acreditar que a população da nossa querida Ilha do Amor, tão sofrida, vá colocar novamente este rapaz para “brincar” de ser vereador.

Bom, como se vê, as “ações” do vereador Beto Castro se resumem apenas, ao seu processo na justiça, que já dura 4 anos, e é desse tipo de político que São Luís verdadeiramente, não precisa.

Veja abaixo a postagem do parlamentar:

beto castro

Deixe uma resposta