CASTIGO? Maré de azar de Waldir Maranhão só aumenta

waldirmComo se já não bastasse o “turbilhão de emoções” pelo qual passa o deputado federal e presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão, com seu nome no “olho do furacão”, com um filho fantasma no Tribunal de Contas do Estado, fazendo besteiras a torto e a direito, tomando decisões estapafúrdias e voltando atrás menos de 24 horas depois, e tendo virado chacota nacional, eis que surge mais um fato para dar mais uma dor de cabeça ao deputado.

De acordo com a reportagem da Revista Época, o parlamentar corre o risco de perder sua própria casa, localizada em um bairro nobre de São Luís, por ter dado o calote em uma conta de R$ 1,3 milhão de sua campanha eleitoral de 2010, quando concorreu e venceu a disputa para deputado federal. Maranhão também está com quatro imóveis penhorados pelo Tribunal da Justiça do Maranhão, ou seja, prestes a irem a leilão para que a dívida seja paga.

Além disso, Waldir está “por um fio” no Partido Progressista, já que os deputados da sigla já pediram sua cabeça para a direção nacional. A reunião que trataria da expulsão de Waldir foi adiada para amanhã (11), e o mesmo pediu um prazo para decidir se renuncia ou não ao comando da Câmara.

Aguardemos cenas dos próximos capítulos!

Deixe uma resposta